Noriel Vilela

Este é o meu primeiro post no #euescuto, vou mudar um pouco do estilo de som, pois normalmente aqui é mais rock, progressivo, indie e outros. Mas o som feito pelo Noriel Vilela é uma Samba de raiz de 1968, muito bom, claro que na minha opinião.

Noriel Vilela fez carreira como integrante do grupo vocal de samba Cantores de Ébano, que teve relativo sucesso nos anos 1950. Vilela também lançou o álbum-solo Eis o Ôme em 1968. Por essa época, Vilela morreu repentinamente. (wikipedia)

cg14capa-eisoome

Faixas:1 – Promessado (Carlos Pedro)2 – Saravando Xangô (Avarése – Edenal Rodrigues)3 – Só o Ôme (Edenal Rodrigues)4 – Meu caboclo não deixa (Avarése – Edenal Rodrigues)5 – Pra Iemanjá levar (Delcio Carvalho)6 – Samba das águas (Josan de Mattos)7 – Eu tá vendo no copo (Avarése – Edenal Rodrigues)8 – Acredito sim (Avarése – Edenal Rodrigues)9 – Peço licença (Avarése)10 – Cacundê, cacundá (José de Souza – Orlando)11 – Acocha malungo (Sidney Martins)12 – Saudosa Bahia (Noriel Vilela – Sidney Martins)13 – Je Suis la Maria14 – O Gira15- 16 Toneladas16- Todo EnroladoLINK – Noriel VilelaParece com? Cantores de ÉbanoVideoclipe da música 16 toneladas:

Categoria(s): Samba