Devendra Banhart – Mala (2013)

Devendra Banhart é norte-americano, mas muito novo se mudou com a mãe para a Venezuela e lá conheceu o som do Brasil: João Gilberto, Chico Buarque, Gil, Maria Bethania e Caetano Veloso, por quem foi elogiado numa outra passagem por aqui. “Foi péssimo, e eu amei”, foram as palavras de Cae. Para Devendra, nada pode superar um elogio como esse. O estilo hippie-freak-folk conhecido dá lugar a uma versão visual mais comportada e uma apresentação mais intimista. As canções de Mala são curtas e vagas, misto de humor e amargura. O disco foi feito num gravador antigo da marca Tascam, as letras parecem ser trechos de sua vida diária acompanhadas de guitarra, percussão e synths rudimentares. O músico tocou no Brasil essa última semana com Rodrigo Amarante na guitarra.

DevendraBanhart_MalaThumb

Faixas do álbum:

 

1 – Golden Girls

2 – Daniel

3 – Für Hildegard von Bingen

4 – Never Seen Such Good Things

5 – Mi Negrita

6 – Your Fine Petting Duck

7 – The Ballad of Keenan Milton

8 – A Gain

9 – Won’t You Come Over

10 – Cristobal Risquez

11 – Hatchet Wound

12 – Mala

13 – Won’t You Come Home

14 – Taurobolium

 

LINK – Mala

 

Ouça “Never Seen Such Good Things”

Ouça “Mi Negrita”

Categoria(s): Freak Folk, Psychedelic Folk